"Life of Pi" ou "A Vida de Pi"

04/02/2013




"Life of Pi" ou "A Vida de Pi"

Lançamento: 21 Novembro 2012 (EUA)
Género: Drama, Aventura
Actores: Suraj Sharma, Irrfan Khan, Adil Hussain, Gérard Depardieu
Realização: Ang Lee

"Durante toda a sua existência, o jovem Pi (Gautam Belur/Suraj Sharma/Ayush Tandon/Irrfan Khan nas várias idades) viveu na Índia, num jardim zoológico administrado pela família. Leitor voraz, alimenta a sua curiosidade com tudo o que se relacione com hinduísmo, budismo e cristianismo, assimilando e tendo a mesma fé nas três religiões. Até que a família decide mudar-se com os animais para o Canadá e o navio em que viajam naufraga. Pi inicia então a maior aventura da sua vida, dando por si à deriva num pequeno bote salva-vidas com uma hiena, uma zebra de perna partida, um orangotango e um tigre-de-bengala. Apenas Pi e o tigre sobrevivem à primeira semana. Depois, partilham o mesmo bote durante 227 longos dias no mar...
Baseado no romance de Yann Martel, vencedor de um Booker Prize e publicado em mais de 40 países, "A Vida de Pi" passa agora para o grande ecrã pelas mãos do conceituado realizador Ang Lee ("O Tigre e o Dragão", "O Segredo de Brokeback Mountain", "Taking Woodstock"), com argumento de David Magee.
(daqui




Fiquei com pena de não ter lido o livro antes de ver o filme (até porque o tenho em casa); gosto sempre de o fazer, pois ler o livro depois de ver o filme não nos deixa imaginar a história à nossa vontade, ficamos sempre condicionados pela adaptação para o cinema e pelas imagens. Mas não consegui adiar a vontade de ver o filme até ter disponibilidade para o ler o livro...

O filme trata essencialmente, na minha opinião e visão da história, do confronto entre aquilo em que acreditamos e aquilo no qual não queremos acreditar. Toca em temas e conceitos familiares a toda a gente: fé, misticismo, crenças, afecto... recorrendo muitas vezes a metáforas e alegorias.

Gostei mesmo muito do filme. É daqueles que nos deixa a pensar e questionar muita coisa... (não é, portanto, um filme leve para ver a qualquer altura do dia ou com qualquer disposição.). Aliás, ainda estou a "digeri-lo"... E foi um filme que me transmitiu "sensações" (talvez pela imagem e banda sonora). Visualmente o filme é muito bonito.
Para além disso, no final é o espectador que escolhe a história, consoante as suas crenças, visão do mundo, forma de encarar a vida, prioridades, emoções, etc.

Aconselho!





Já recebeu 11 indicações para o Óscares, incluindo "Melhor filme", "Melhor Realizador" e "Melhor Banda Sonora".

5 comentários:

disse...

Eu li o livro... estou curiosa para o filme :)

http://semjeitonenhum.blogspot.pt

Estrelinha disse...

Está na lista do "A ver urgentemente" :)

*C*inderela disse...

Ando para ver o livro, já li criticas bastante positivas em relação a esse filme :)

Bjokas.

Jo disse...

Este ainda não vi!

klau* disse...

Fantástico adorei :)