Árvore de Natal: natural ou artificial?

24/11/2010


Cá em casa já tivemos árvores de Natal artificiais. Naturais. E houve até um Natal em que tivemos duas árvores: a natural e a artificial, em pontos diferentes da casa.
Têm as duas vantagens e desvantagens, mas eu diria que sendo amiga do ambiente, opto pelas artificiais. 

E vocês? O que preferem?
A tradição ainda é o que era?

18 comentários:

Rita disse...

Nunca tive árvore natural. Para além do ambiente, as outras são mais direitinhas! Bem, no fundo, no fundo é tudo uma questão de hábito! Nunca me puseram uma árvore natural à frente. É como qualquer outro hábito que nos incutem.

Nokas disse...

Artificiais...quando era pequena tinha um pinheiro a sério mas agora já não...

Pequenina* disse...

Artificiais. Para alem de não se matar nenhuma árvore, são perfeitinhas!
É so vantagens e o ambiente agradece! =)

fcorreia disse...

Até há dois anos atrás, a árvore era sempre natural... (era aquela "coisa" do cheirar a resina). Agora, é artificial, monta-se, desmonta-se!!! O Natal já não é o que era!!!

Myosotis disse...

Para mim artificial. Nunca mataria uma árvore, só para a enfeitar durante umas semanas e depois deitar fora. Gosto muito delas mas vivas, please :)

**Beijinhos**

Bunyssa* disse...

Natural, sempre! De viveiro, nunca arrancadas no monte!
Nunca tivemos artificial nem vamos ter. Não deixo!! :p

Não acho grande piada ás árvores artificiais.
Além disso as de viveiro aguentam-se mais do que um ano (plantadas ou dentro do vaso em que vem). Este ano provavelmente vamos ter de comprar outra). Mas a anterior durou 3 anos. Saiu de casa, foi para o jardim. :)

Scarlet disse...

Artificial.
A última e única árvore de natal natural que comprámos 'depenou-se' antes da noite de 24 e tivémos de ir buscar a artificial :)

Social Work disse...

Artificial sempre! Quando era miuda reinavam as arvores naturais lá em casa. Hoje sou totalmente apologista das artificiais. Não fazem tanto lixo, são amigas do ambiente, são económicas e duram muitos anos. E hoje em dia as artificiais já são muito iguais às naturais, pelo menos a k tenho cá em casa.

S* disse...

Gosto mais das naturais mas já há anos que compro artificîais porque as naturais os meus gatos destruíam em trs tempos.

Pérola disse...

Artificiais. O ambiente agradece:)

...Ju... disse...

natural! mas comprada em viveiros contribuindo para o cultivo de mais algumas e plantando a no quintal logo depois das festas!

krasiva disse...

Na terra sempre tive naturais...mas eram mais ou ramos...que o meu pai desbastava ou eram pinheiros que estavam a crescer debaixo de outros e não tinha espaço...Claro que eram todas mal amanhadas...realmente para quem gosta de tudo perfeitinho não dá.

achibi.design disse...

Artificiais sempre! São mais bonitas, as decorações não caem, não picam e o ambiente agradesse!

Simples e Elegante disse...

Artificiais! São muito mais giras!

Vera disse...

Cá em casa tivemos muito tempo natural: pinheiros bravos. Mas não eram lá muito bonitos... Acabamos por nos render às artificiais por serem mais práticas e bonitas que os pinheiros bravos. Mas concordo com a hipótese da Bunyssa, acho que é uma solução a considerar um dia! :)

Pepper disse...

Se a preocupação é o meio ambiente então deviam saber que árvores artificiais são a pior opção já que estas não são biodegradáveis e não são recicláveis, para alem de se poderem incendiar muito facilmente. Portanto a melhor opção será a árvore natural de viveiro, como disse a menina ali atrás.

BUBBLES disse...

Artificiais sempre. A natureza agradece.

Ana disse...

A minha é artificial, guarda-se de um ano para o outro e não é nada dificil de montar!
Beijinhos